Atualidade Covid-19

Grupo Inditex encerra a partir de hoje todas as lojas em Portugal

O grupo que é detentor da conhecida marca Zara encerra, a partir de hoje, quarta-feira, todas as lojas em Portugal como medida preventiva da nova pandemia COVID-19. 350 lojas ficam fechadas por tempo indeterminado.

350 espaços, entre lojas de rua e pontos de venda em centros comerciais, pertencentes ao grupo Inditex ficam a partir de hoje encerrados e por tempo indeterminado. Marcas como Zara, Massimo Dutti, Stradivarius, Bershka, Pull & Bear, Oysho, Zara Home, Uterqüe e Lefties deixam hoje de estar de portas abertas. No entanto, as vendas online mantêm-se.

A medida foi tomada na sequência da evolução da pandemia da COVID-19 em Portugal, depois da mesma decisão já ter sido tomada em Espanha.  

Segundo o jornal El Pais, o grupo de Amancio Ortega tomou também já  as primeiras medidas de ordem financeira. Depois de uma subida de 6% nos lucros no ano passado, a empresa decidiu colocar 287 milhões de euros em reservas de dinheiro ou valores, o correspondente ao “possível impacto da pandemia Covid-19 no valor líquido do inventário feito à coleção primavera/verão a 31 de janeiro de 2020”. Segundo o mesmo jornal, a atual crise já fez a empresa perder um terço do seu valor de mercado no último mês.

Em Portugal, marcas como a H&M e também o Ikea, ambas empresas suecas, já tinham decretado o encerramento das lojas por tempo indeterminado. A estas junta-se a Primark, que anuncia a mesma decisão nesta esta quarta-feira.

Sobre este autor

Jorge Teixeira

Adicionar Comentário

Escrever comentário