Atualidade Notícias

Fesap volta na quarta-feira às negociações com o Governo

O secretário-geral da Fesap, José Abraão, referiu que as duas reuniões de negociação coletiva, a desta quarta-feira e no próximo dia 15, foram marcadas pelo gabinete do secretário de Estado da Administração Pública como resposta ao pedido que a federação fez na semana passada.

A Federação de Sindicatos da Administração Pública (Fesap), regressa à mesa de negociações com o governo dia 15 de novembro.

José Abrão confidenciou que as duas reuniões foram marcadas pelo gabinete do secretário de estado da Administração Pública em resposta ao pedido feito pela federação na semana passada.

Na convocatória para duas reuniões, o Ministério da Modernização do Estado e da Administração Pública, admitindo que a Fesap venha a requerer a reunião de negociação suplementar, propôs que a mesma se realize no dia 17.

A Federação dos Sindicatos da Administração Pública anunciou na semana passada que a greve marcada para 12 de novembro, ia ser desconvocada e que pediu ao governo uma reunião para esclarecer o futuro do aumento do salário mínimo nacional.

O Secretariado Nacional da federação decidiu desmarcar a greve após ter analisado a situação política face ao chumbo parlamentar da Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2022.

José Abraão explicou que a Fesap decidiu a suspensão de todas as ações de protesto previstas até ao dia 25 de novembro, data em que seria aprovado, em votação final global, o Orçamento do Estado.

Sobre este autor

INcorporate

Adicionar Comentário

Escrever comentário