Ecofriendly Empreendedorismo

Churra da Terra Quente, o segredo do ‘Queijo Terrincho’ e do ‘Borrego Terrincho’

A raça Churra da Terra Quente é uma raça de ovinos autóctone da região da Terra Quente Transmontana e Douro Superior, caracteriza-se pelo bom instinto maternal e facilidade no parto, pela sua longevidade e pela sua enorme rusticidade sendo capaz de apresentar bons índices produtivos e reprodutivos mesmo em condições adversas.

No início do ano de 2020 o Livro Genealógico contava com 14.037 fêmeas, das quais 13.117 exploradas em linha pura e 583 machos num total de 131 criadores.

Nos últimos anos tem-se verificado um decréscimo dos efetivos, devido á idade avançada dos criadores, ao excesso de burocracia e á falta de interesse dos mais jovens, assim como pelo facto do apoio dado aos criadores já não ser suficientemente atrativo para manter ou iniciar a atividade.

Como entidade gestora do Livro Genealógico da raça Churra de Terra Quente, a ANCOTEQ – Associação Nacional de Criadores de Ovinos da Raça Churra da Terra, com sede em Quinta Branca, em Larinho, no concelho de Torre de Moncorvo, é responsável pela defesa do património genético animal, pela execução do programa de melhoramento genético, pela manutenção, valorização e divulgação da raça Churra da Terra Quente.

Paralelamente ao trabalho desenvolvido no âmbito do melhoramento genético da raça, e pela necessidade de aumentar a qualidade de vida e de trabalho dos criadores associados, a ANCOTEQ, aproveitando a dupla função (leite e carne) desta raça,  promoveu a criação de duas cooperativas: a QUEITEC – Cooperativa dos Produtores de Leite de Ovinos da Terra Quente; e a OVITEQ – Cooperativa dos Produtores de Carne de Ovinos da Terra Quente. Estas duas cooperativas produzem e comercializam, respetivamente, dois produtos com Denominação de Origem Protegida (DOP), o “Queijo Terrincho” e o “Borrego Terrincho”.

O Queijo Terrincho DOP é feito artesanalmente, curado, resultante do escoamento lento da coalhada, após a coagulação do leite cru. A pasta é semidura a dura, ligeiramente untuosa de cor branca a amarelada, com um aroma suave e característico.

A carne de Borrego Terrincho DOP, é de cor muito clara, tenra, com gordura quase ausente e ainda com sabor a leite. Comercialmente, o Borrego Terrincho DOP apresenta-se em carcaças ou peças embaladas e refrigeradas.

Contactos:

Associação Nacional de Criadores de Ovinos da Raça Churra da Terra Quente (ANCOTEQ)

Quinta Branca – Larinho, Torre de Moncorvo

Tel : 279 258090

E-mail:  ancoteq@sapo.pt