Empreendedorismo Turismo

Sever do Vouga: Em busca do descanso… e dos encantos naturais

Descobrir Sever do Vouga é percorrer paisagens e tempos deixados nos lugares certos, pela natureza e pelas suas gentes. A capital do mirtilo é uma caixinha de surpresas.

A 45 minutos de carro do Porto e a 25 de Aveiro, Sever do Vouga é uma vila pintada pela natureza, onde a cascata da Cabreia é um pequeno jardim de Éden, a ecopista retemperante e as albufeiras das barragens de Ribeiradio e da Ermida locais relaxantes. Seguindo o Vouga encontramos a praia fluvial Quinta do Barco, também um dos cartões de visita de Sever do Vouga. A praia fluvial Quinta do Barco fica na margem esquerda do rio Vouga, na União de freguesias de Cedrim e Paradela.

Esta praia fluvial é distinguida com a Bandeira Azul, e com a bandeira Qualidade de Ouro, um galardão que distingue a qualidade da água balnear das praias portuguesas. As distinções não terminam por aqui, estando a praia classificada como ‘Praia Acessível’, tendo as infraestruturas adequadas a pessoas com mobilidade reduzida.

O espelho de água é proporcionado pelo açude da Grela, e esta marca o início do sítio da Rede Natura do Rio Vouga que se estende por mais de 2.769 hectares. Este local de importância Comunitária visa a proteção dos peixes migradores, nomeadamente do sável, da savelha, da lampreia marinha e da enguia. A este leque de espécies protegidas, junta-se ainda a lampreia-de-rio, o ruivaco, o bordalo, a boga e o barbo. Além destas espécies também é fácil avistar um elenco de fauna, desde os invertebrados, as aves e aos mamíferos (ex: lontra, etc…). Uma boa forma de conhecer este recanto é alugar uma canoa e viajar pelo leito do Vouga.

Há imensos locais em Sever do Vouga onde a natureza é mágica, de que está à espera para os conhecer?

Sobre este autor

Jorge Teixeira

Adicionar Comentário

Escrever comentário