Atualidade Blog Destaque Educação Notícias

Escolha a sucessora de saudade

palavra do ano

Todos os anos dicionários de renome, instituições ou diretamente as populações elegem a palavra ou expressão que mais se destacou nesse ano. Sem surpresa, as palavras relacionadas com a pandemia covid-19 surgem como tendência global.

Em Portugal há pelo menos quatro palavras que estão diretamente relacionadas com a pandemia: vacina, moratória, resiliência e teletrabalho. Vão ainda a votos apagão, bazuca, criptomoeda, mobilidade, orçamento e podcast. Se gosta de palavras e entende a importância que elas têm em captar o “espírito dos tempos” pode participar até 31 de Dezembro no site www.palavradoano.pt e escolher a sucessora de “saudade” (em 2020). O resultado é conhecido nos primeiros dias de janeiro. 

Um dos objetivos da iniciativa da Porto Editora é acentuar “a importância das palavras e dos seus significados na produção individual e social dos sentidos com que vamos interpretando e construindo a própria vida”. No site da Porto Editora pode encontrar as palavras escolhidas desde 2009.

Todos os anos a empresa acompanha “a realidade da língua portuguesa” feita “através da análise de frequência e distribuição do uso das palavras e do relevo que elas alcançam, tanto nos meios de comunicação e redes sociais como no registo de consultas online e mobile dos dicionários da Porto Editora”. São também tidas em consideração as sugestões dos portugueses feitas através do site já referido no processo de seleção das palavras finalistas.

Entretanto já começaram a ser conhecidas as escolhas de outros países. Os lexicógrafos (autores de dicionário) do Oxford English Dictionary elegeram “vax” como Palavra do Ano, uma escolha assumida como óbvia dado o incrível impacto que as vacinas tiveram este ano por causa da pandemia.

Entrada diretamente para o dicionário online Dictionary.com, e eleita como vencedora por este serviço americano com 70 milhões de utilizadores mensais, foi “allyship”, sem tradução direta para português. Um dos seus significados é alguém que trabalha ativamente em benefício de grupos marginalizados não necessariamente como membro desse grupo mas em solidariedade com ele. A escolha reflete as buscas dos internautas e a sua ligação a grandes temas do ano como a defesa dos movimentos pelos direitos dos negros e da comunidade LGBTQI+.

No último dia do ano é divulgado o resultado do concurso mais antigo em língua inglesa, da American Dialect Society’s, que em 2020 elegeu a palavra “covid”. A reputação desta eleição resulta da escolha ser feita por linguistas independentes e por não haver interesses comerciais envolvidos.

Sobre este autor

João Malainho

Adicionar Comentário

Escrever comentário