Cultura Educação Empreendedorismo

A quebrar notas desde 2008

Com mais de uma década de atividade, a Quebra Notas pode hoje orgulhar-se de ser mais do que uma alternativa no panorama artístico de Almada. Hoje a Quebra Notas já se pode considerar numa casa de referência na educação musical em Lisboa e Vale do Tejo.

Alfredo Soares e Andreia Pereira são os dois fundadores e responsáveis da escola de música de Almada, que abriu portas em 2008, aproveitando a experiência que ambos os professores traziam além-fronteiras. Na altura o objetivo passava por terem um espaço onde tivessem a oportunidade de colocar em prática as suas ideias, criando uma alternativa ao que era na época o panorama em Almada, relativamente ao ensino artístico.

No espaço de um ano de atividade, a Quebra Notas tinha já 200 alunos inscritos e o segredo do sucesso era evidente, a escola apresentava um projeto educativo que ia da música clássica até ao rock e passando, também, pelo pop, algo pouco usual a sul do Tejo. Hoje a escola já ultrapassa os 300 alunos e a oferta formativa incluí um conjunto de cursos livres, que juntam a guitarra clássica e elétrica, o piano, o canto, a bateria, a flauta transversal, o saxofone, o violino, entre muitos outros instrumentos. A proximidade com os alunos, pais e toda a comunidade escolar é a principal aposta da Quebra Notas, postura que é transversal a toda ação pedagógica e nutriente essencial do seu projeto educativo.

Nesta escola, respira-se arte, e faz-se da música o principal contributo no desenvolvimento de capacidades cognitivas, da sensibilidade, da criatividade e da capacidade de fantasiar – elementos imprescindíveis na música.

A aprendizagem por sua vez segue o ritmo de cada estudante, sem que ninguém seja deixado para trás. Outro facto que pode deixar a Quebra Notas orgulhoso é a certificação DGERT, para as ofertas de Cursos de Certificado Profissional, uma realidade ímpar na localidade. Nestes cursos, a escola destaca-se pelas formações de Técnica Vocal e Técnico de Som.

Vale a pena salientar um acontecimento anual importante para todos os que estão envolvidos com a escola de música. Todos os anos são realizadas audições que reúnem a maioria dos alunos, num evento em grande escala, com a duração de dois dias, organizado pela direção da escola, com a colaboração dos professores e alunos. Este evento chega, todos os anos, a mais de 500 pessoas em cada sessão. As audições são o espelho do trabalho executado ao longo do ano e uma forma dos alunos colocarem em prática
as suas valências.