Atualidade Notícias

Uma cadeira coscuvilheira

Do carpinteiro à senhora do café, da bibliotecária ao turista, todos vão admirar a nossa Alice. Afinal, uma cadeira é muito mais do que uma cadeira.

Do carpinteiro à senhora do café, da bibliotecária ao turista, todos vão admirar a Alice, a nova criação da DAM. Afinal, uma cadeira é muito mais do que uma cadeira.

Sem medo da passagem do tempo, Alice é uma cadeira icástica, ligeira e elegante. De clara inspiração arquitetónica, orienta-se de forma muito vertical. As duas pernas posteriores são coscuvilheiras, estão rodadas em si mesmas para poderem conversar. Deste diálogo surge a torção do encosto que assegura conforto e aconchego a quem se senta – as suas histórias.

A cadeira Alice é empilhável e existe em duas versões: encosto e assento moldados em contraplacado de madeira e folha de cortiça negra ou de cortiça clara. Ambas combinam com estrutura em madeira de freixo, carvalho ou nogueira.

Mesmo simples e ligeira, Alice é um cadeira “à portuguesa” porque sabe receber com fidalguia, sendo ideal para uma ampla variedade de espaços como o restaurante, o escritório, o quarto de hotel, a escola, a sala de jantar, a sala de espera. Em cada lugar, cada Alice terá uma história para coscuvilhar.

Cadeira Alice

Sem medo da passagem do tempo, Alice é uma cadeira icástica e elegante. De clara inspiração arquitetónica, orienta-se de forma muito vertical. As duas pernas posteriores são coscuvilheiras, estão rodadas em si mesmas para poderem conversar. Deste diálogo surge a torção do encosto. Mesmo simples e coscuvilheira, Alice é um cadeira “à portuguesa” porque sabe receber com fidalguia, sendo ideal para uma ampla variedade de espaços.

Designers: Hugo Silva e Joana Santos. Materiais: Freixo maciço (estrutura) e cortiça compósita clara ou cortiça compósita escura (assento). Acabamentos: Verniz mate incolor ou verniz mate na cor ‘grumpy black’ (estrutura de madeira). Solução aquosa incolor (assento).
Dimensão: C50 x P46 x A77 cm.

Sobre este autor

Jorge Teixeira

Adicionar Comentário

Escrever comentário