Atualidade Covid-19 Notícias

Não deixe de rir. Porque os memes são imunes à COVID-19.

Nas últimas semanas o mundo conheceu uma realidade para a qual não estava claramente preparado. Felizmente o que o ser humano ainda não perdeu, foi a capacidade de se rir de si mesmo e das situações que nos acontecem. Em Portugal e um pouco por todo o mundo não faltam memes e brincadeiras, tendo por objeto o novo coronavírus. De Will Smith a Homer Simpson, sem esquecer os portugueses Jorge Jesus e Paulinho Santos, veja a seleção que a IN Corporate Magazine preparou para si, e ria-se, porque rir é mesmo o melhor remédio.

Nada melhor que começar com o nosso mestre da tática favorito, que recentemente foi suspeito de estar infetado com o novo coronavírus. Os resultados foram inconclusivos mas acreditamos que isso seriam “peanuts” para o treinador campeão da Copa dos Libertadores. De JJ passamos a bola a Paulinho Santos, que em 1999 já estava preparado para a pandemia, como a imagem indica.

De figuras nacionais do nosso futebol passamos para terras americanas, onde podemos encontrar Chuck Norris, cujas partículas sanguíneas poderão ajudar a desenvolver a vacina para a COVID-19.

Entretanto chegam boas notícias, que irão deixar certamente muitas pessoas tranquilizadas.

No entanto quem não tem essa “sorte”, tem de utilizar outros métodos para combater o avanço do vírus.

Numa altura em que muitos perguntam por Deus e pedem ajuda divina para ultrapassar a situação, as pinturas de Michelangelo apresentam uma solução, comprovando que afinal os deuses não devem estar loucos.

Com a crise no mundo desportivo face à COVID-19, o campeonato europeu de futebol que seria realizado em junho deste ano, foi adiado para 2021. Desta feita Portugal continua campeão europeu em titulo por mais um ano e esperam-se milhares de adeptos no Marquês de Pombal e nos Aliados, para celebrar mais uma conquista dos pupilos de Fernando Santos (é mentira, fiquem em casa).

Com o aproximar da Páscoa, palavras como família, amor e convívio começam a entrar na cabeça de pessoas, e a IN Corporate Magazine deixa-lhe a sugestão perfeita para que tenha uma Santa Páscoa, junto de quem mais importa.

A Pandemia tem deixado um rasto de desespero e exagero um pouco por todo o mundo. Desde o excesso de compras alimentares, sobretudo de conservas, massas e enlatados, também o papel higiénico tem tido muita procura por parte dos mais paranóicos, uma atitude em tudo semelhante ao período Cretáceo, quando um asteróide colidiu com a Terra, fazendo desaparecer os dinossauros da face do planeta.

Faz-se um apelo para que as pessoas sejam responsáveis e não entrem em exageros. Nas farmácias, pensem em quem mais precisa.

Numa fase em que a maior parte do tecido empresarial, ensino, serviços e algum comércio estão parados, o teletrabalho apresenta-se como a melhor solução, para quem está de quarentena mas que irá continuar a produzir afincadamente, para bem da nossa economia. Um pouco por todas as redes sociais verificamos posts e stories de pessoas que mesmo em casa, não deixam de cumprir com as suas obrigações e responsabilidades. A todos os que continuam a trabalhar a partir de casa, estamos juntos.

Entretanto uma boa fatia dos universitários revelam-se extremamente preocupados com o facto dos exames estarem suspensos e de o regresso às aulas ser ainda uma incógnita. Infelizmente tudo o que eles podem fazer é dar toques em papel higiénico e explorar as maravilhas do Tik Tok.

Para terminar, a IN Corporate Magazine deixa-lhe uma óptima sugestão, para preencher os próximos dias, com um grupo que nas próximas semanas, poderão ser os seus melhores amigos.

Rodrigo Guedes de Carvalho daqui a 15 dias

Publiée par Insónias em Carvão sur Dimanche 22 mars 2020
Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por Insónias em Carvão (@insoniascarvao) a

Ver esta publicação no Instagram

Odeio esta coisa das máscaras

Uma publicação partilhada por Salvador Martinha (@salvadormartinha) a