Atualidade Covid-19 Notícias

Não deixe de rir. Porque os memes são imunes à COVID-19.

Nas últimas semanas o mundo conheceu uma realidade para a qual não estava claramente preparado. Felizmente o que o ser humano ainda não perdeu, foi a capacidade de se rir de si mesmo e das situações que nos acontecem. Em Portugal e um pouco por todo o mundo não faltam memes e brincadeiras, tendo por objeto o novo coronavírus. De Will Smith a Homer Simpson, sem esquecer os portugueses Jorge Jesus e Paulinho Santos, veja a seleção que a IN Corporate Magazine preparou para si, e ria-se, porque rir é mesmo o melhor remédio.

Nada melhor que começar com o nosso mestre da tática favorito, que recentemente foi suspeito de estar infetado com o novo coronavírus. Os resultados foram inconclusivos mas acreditamos que isso seriam “peanuts” para o treinador campeão da Copa dos Libertadores. De JJ passamos a bola a Paulinho Santos, que em 1999 já estava preparado para a pandemia, como a imagem indica.

De figuras nacionais do nosso futebol passamos para terras americanas, onde podemos encontrar Chuck Norris, cujas partículas sanguíneas poderão ajudar a desenvolver a vacina para a COVID-19.

Entretanto chegam boas notícias, que irão deixar certamente muitas pessoas tranquilizadas.

No entanto quem não tem essa “sorte”, tem de utilizar outros métodos para combater o avanço do vírus.

Numa altura em que muitos perguntam por Deus e pedem ajuda divina para ultrapassar a situação, as pinturas de Michelangelo apresentam uma solução, comprovando que afinal os deuses não devem estar loucos.

Com a crise no mundo desportivo face à COVID-19, o campeonato europeu de futebol que seria realizado em junho deste ano, foi adiado para 2021. Desta feita Portugal continua campeão europeu em titulo por mais um ano e esperam-se milhares de adeptos no Marquês de Pombal e nos Aliados, para celebrar mais uma conquista dos pupilos de Fernando Santos (é mentira, fiquem em casa).

Com o aproximar da Páscoa, palavras como família, amor e convívio começam a entrar na cabeça de pessoas, e a IN Corporate Magazine deixa-lhe a sugestão perfeita para que tenha uma Santa Páscoa, junto de quem mais importa.

A Pandemia tem deixado um rasto de desespero e exagero um pouco por todo o mundo. Desde o excesso de compras alimentares, sobretudo de conservas, massas e enlatados, também o papel higiénico tem tido muita procura por parte dos mais paranóicos, uma atitude em tudo semelhante ao período Cretáceo, quando um asteróide colidiu com a Terra, fazendo desaparecer os dinossauros da face do planeta.

Faz-se um apelo para que as pessoas sejam responsáveis e não entrem em exageros. Nas farmácias, pensem em quem mais precisa.

Numa fase em que a maior parte do tecido empresarial, ensino, serviços e algum comércio estão parados, o teletrabalho apresenta-se como a melhor solução, para quem está de quarentena mas que irá continuar a produzir afincadamente, para bem da nossa economia. Um pouco por todas as redes sociais verificamos posts e stories de pessoas que mesmo em casa, não deixam de cumprir com as suas obrigações e responsabilidades. A todos os que continuam a trabalhar a partir de casa, estamos juntos.

Entretanto uma boa fatia dos universitários revelam-se extremamente preocupados com o facto dos exames estarem suspensos e de o regresso às aulas ser ainda uma incógnita. Infelizmente tudo o que eles podem fazer é dar toques em papel higiénico e explorar as maravilhas do Tik Tok.

Para terminar, a IN Corporate Magazine deixa-lhe uma óptima sugestão, para preencher os próximos dias, com um grupo que nas próximas semanas, poderão ser os seus melhores amigos.

Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por Insónias em Carvão (@insoniascarvao) a

Ver esta publicação no Instagram

Odeio esta coisa das máscaras

Uma publicação partilhada por Salvador Martinha (@salvadormartinha) a

Sobre este autor

Jorge Teixeira

Adicionar Comentário

Escrever comentário