Destaque

Guarda: Caminho fiel com o traçado original

O troço do Caminho de Santigo – Via Portugal Nascente -, no concelho da Guarda, é principalmente caracterizado pela sua beleza paisagística e a sua forte componente patrimonial, quer ao nível do património edificado, quer ao nível do património imaterial evidenciado por gentes, costumes e tradições típicas do território abrangido pelo traçado do caminho.

O concelho da Guarda é possuidor de uma forte identidade cultural, é modelado por uma paisagem prodiga em belezas naturais e uma história multissecular, o que faz com que estre tramo do caminho compostelano seja único e de uma beleza indescritível. O itinerário oferece paisagens deslumbrantes e que convidam a mergulhar a quem o calcorreia numa história ancestral que se confunde com o quotidiano das povoações típicas da Beira Alta. Percorre um território de contrastes com um vasto e diversificado património natural, de reconhecida qualidade paisagística e ambiental. Os seus grandes atrativos são os vales do Rio Zêzere e do Mondego e a zona mais montanhosa do concelho, já nos limites do Parque Natural da Serra.

Este percurso reconstitui com o máximo de fidelidade o traçado original seguido ao longo dos séculos pelos peregrinos de Santiago e que tem início em Tavira, no Algarve, e se articula em Trancoso, com o Caminho de Torres.

No Caminho, o romeiro pode pernoitar no Albergue de Peregrinos dos Trinta que se localiza sensivelmente a meio dos 41 quilómetros do traçado, na aldeia dos Trinta. Além deste albergue, na sede de concelho, a cidade da Guarda, o peregrino pode pernoitar no Seminário Maior da Guarda.

É também importante referir que no Museu da Guarda se localiza a Oficina do Peregrino, onde além, de se poder carimbar a Credencial do Peregrino, se prestam informações úteis e detalhadas sobre o troço do Caminho de Santiago no concelho da Guarda, de toda a Via Portugal Nascente, bem como de outros caminhos existentes no nosso país e no estrangeiro.

Fora do Caminho ou nas proximidades os atrativos também são bastantes e bem diversificados, nomeadamente o território concelhio abrangido pelo grande Planalto Beirão. Aí é possível encontrar e visitar muitas aldeias de origem medieval com todo um vasto património cultural que lhes está associado. O património natural e paisagístico continua a ser um dos grandes atrativos dos quais se destacam pequenos e grandes bosques de carvalhos e de castanheiros.

O município da Guarda tem vindo a assinalar o dia de Santiago, celebrado a 25 de Julho, com um evento, aberto ao público em geral, em que se desenvolvem atividades como, por exemplo, palestras, workshops e caminhadas ao longo do troço do caminho. Este evento serve sempre para, de alguma forma, promover e divulgar o caminho.

APP Caminhos de Santiago – Portugal

Na APP Caminhos de Santiago – Portugal o peregrino poderá encontrar, além da totalidade do track “Via Portugal Nascente”, informação sobre as etapas, albergues, restaurantes e outras informações úteis.

Sobre este autor

INcorporate

Adicionar Comentário

Escrever comentário