Educação

QUEEN ELIZABETH’S SCHOOL: 86 anos de Tradição, Prestígio e Inovação ao serviço da educação

O título da autobiografia da fundadora da Queen Elizabeth ́s School, Margaret Denise Eileen Lester O.B.E. (Order of the British Empire), “Look Up – There’s Always a Star”, reflete a visão e valores da sua mentora, que continuam a ser reforçados pela atual direção liderada por Conceição Oliveira Martins, Maria de Lourdes Cabral e Ana Maria Nunes. Convidamo-lo a conhecer a Queen Elizabeth ́s School que é uma escola de referência de ensino bilingue em Portugal.

Com sede em Lisboa, a Queen Elizabeth ́s School iniciou as suas atividades educativas em 3 de novembro de 1935 com 3 alunos, numa sala e jardim cedidos na casa de Sofia e Fortunato Abecassis, tendo contado com o apoio do então Ministro dos Negócios Estrangeiros Senhor Dr. Armindo Monteiro. Em 1936 esta escola foi oficialmente reconhecida pelo Ministério da Educação Nacional.A fundadora Denise Lester sempre foi uma grande defensora da Aliança Luso-Britânica, tendo a Queen Elizabeth ́s School sido criada de raiz como uma escola bilingue para crianças portuguesas e nativas de língua inglesa a residir em Portugal. Esta Escola tem vindo a acompanhar os programas de ensino vigentes nas escolas britânicas a par das Orientações Pedagógicas para a Creche, Orientações Curriculares para a Educação Pré-escolar e Programa Curricular do Primeiro Ciclo do Ensino Básico Português. Os ideais delineados pela Fundadora desta Instituição de preservar os laços históricos e culturais entre o Reino Unido e Portugal têm sido mantidos, sendo dado um papel de primordial importância à aprendizagem precoce do Inglês. O ensino desta segunda língua e a cultura britânica são introduzidos aos alunos de uma forma intuitiva e natural, assim como é assegurada a existência de docentes nativos da língua inglesa. As bandeiras de Portugal e do Reino Unido são habitualmente hasteadas no edifício escolar nas datas emblemáticas e solenes da história destes dois países.

A Queen Elizabeth ́s School tem apostado na internacionalização do seu currículo, com a adoção de um modelo integrado de ensino bilingue Português – Inglês nas valências que oferece e recorrido a uma nova metodologia no âmbito da Aprendizagem Integrada de Línguas e Conteúdos (AILC) / Content Language Integrated Learning (CLIL). Nesta perspetiva, a língua inglesa tem sido utilizada na aprendizagem de certos conteúdos disciplinares e temáticas transversais a todas as áreas curriculares.Na Creche e Educação Pré-escolar o ensino da língua inglesa é feito tal como o da língua mãe, através do desenvolvimento da compreensão e expressão oral, privilegiando a Expressão Dramática e Musical. Os alunos do Pré-escolar são submetidos a um exame de Artes Performativas “Trinity College London – Trinity Stars Young Performers in English Award” (Stage 2 e Stage 3).

No 1º Ciclo do Ensino Básico é dada uma especial relevância à leitura e à escrita. A Direção deste Estabelecimento de Ensino introduziu no plano curricular da língua inglesa o Programa Primário da Cambridge Assessment International Education, e as disciplinas de Mathematics, Science e English as a Second Language. Os conteúdos programáticos ministrados neste currículo são suscetíveis de uma avaliação interna e externa através dos Cambridge Primary Progression Tests e Cambridge Primary Chekpoint Tests (cambridgeinternational.org), sendo estes últimos apenas realizados no 4º ano de escolaridade. Os alunos que realizem com aproveitamento os Cambridge Primary Chekpoint Tests recebem um Statement of Achievement emitido pela Cambridge Assessment International Education.

Esta escola tem participado em parcerias no âmbito de programas de intercâmbio educativo e cultural a nível nacional e internacional, considerando-as essenciais num percurso formativo de qualidade, numa sociedade global e inclusiva que valoriza a riqueza da diversidade. A Queen Elizabeth ́s School é uma “Cambridge International School”, assim como Centro de Preparação de Exames da Cambridge English preparando os seus alunos para a realização dos Young Learners English Tests (Pre A1 Starters, A1 Movers e A2 Flyers), e os antigos alunos que frequentam os Clubes de Inglês, em horário extra letivo, para o B1 Preliminary for Schools, B2 First for Schools, C1 Advanced e C2 Proficiency; Centro de exames do Trinity College London e membro do Instituto Britânico do Programa de Parceria de Exames “Addvantage”. Os alunos do pré-escolar e 1o ciclo que têm aulas de piano podem realizar um exame de Música adequado à sua faixa etária, que vai do nível preparatório até ao nível 2 da Associated Board of the Royal Schools of Music, líder mundial na área de avaliações e exames de quatro dos mais prestigiados conservatórios do Reino Unido.

Tendo presentes os princípios defendidos pela sua fundadora, o projeto educativo desta Escola visa o desenvolvimento pleno dos seus alunos a nível pessoal e social, dando uma especial importância à educação para os valores e ao exercício de uma cidadania ativa com um forte sentido de responsabilidade social. Neste contexto, esta escola tem estado envolvida em várias ações de voluntariado com Organizações Não Governamentais e Instituições de Solidariedade Social, em campanhas de angariação de fundos para o apoio a lares de terceira idade, a crianças desfavorecidas e a jovens portadores de deficiência.A política educativa da Queen Elizabeth’s School assenta nos ideais de humanismo cristão e numa pedagogia holística de desenvolvimento integral dos alunos, respeitando a sua individualidade, realização pessoal e sucesso escolar, preparando-os para os desafios da sociedade do conhecimento. A Educação Moral e Religiosa é indissociável da formação de caráter que acompanha o crescimento das crianças. A maioria dos nossos alunos professam a religião da Igreja Católica Apostólica Romana, sendo no entanto incentivado o diálogo ecuménico e o respeito por outras confissões religiosas. Os alunos são preparados para receber os sacramentos da iniciação cristã – Batismo, Confirmação e Eucaristia.