Destaque Turismo

Zoomarine celebra 30 anos de sorrisos e magia!

Para miúdos e graúdos, o Zoomarine é o local ideal para descobrir as magníficas criaturas que vivem no oceano. O parque oferece um leque variado de opções lúdicas e educativas que, além de garantirem um dia divertido, têm como objetivo consciencializar os visitantes das ações a tomar para, gota a gota, contribuírem para salvar o oceano e o planeta.

O Zoomarine dispensa apresentações. É hoje uma referência para o turismo do Algarve, um dos melhores parques temáticos do Mundo e oferece programas exclusivos que não existem na Europa, como é o caso da possibilidade de interagir de perto com golfinhos.
A abertura do Zoomarine no dia 3 de agosto de 1991 marcou o início de um verdadeiro sonho e projeto de vida para Pedro Lavia, fundador e CEO do Zoomarine. Passados 30 anos, o parque temático situado na Guia, em Albufeira, mantém o mesmo objetivo: transportar adultos e crianças para um mundo de sonho e fantasia, criando emoções e sensações únicas, ao mesmo tempo que promove o conhecimento, a preservação e a educação ambiental de forma divertida.
Neste que é considerado um verdadeiro ‘mar de diversão’, são várias as propostas, com mais ou menos adrenalina, para miúdos e graúdos. Conhecido pelas fabulosas apresentações ao vivo com golfinhos, focas, leões-marinhos, aves tropicais e aves de rapina, o Zoomarine tornou-se uma referência, tanto a nível nacional como internacional, ao dar a conhecer aos seus visitantes os aspetos mais significativos da vida destes animais e de que forma é que cada um de nós pode contribuir para melhor proteger e preservar estas espécies.
E porque a família Zoomarine continua a crescer, o parque deu as boas-vindas ao seu mais recente membro: o Neo, um golfinho-roaz que nasceu no último dia de 2020, e que constitui um brilhante sinal de esperança para 2021. O bebé golfinho, que integra a terceira geração de golfinhos a viver no Zoomarine, será um importante embaixador para a urgência da proteção dos ecossitemas marinhos, trabalho este que será desenvolvido juntamente com a equipa de investigadores, educadores, veterinários, biólogos marinhos e técnicos de bem-estar animal do Zoomarine.

Para além das apresentações, o parque conta ainda com o habitat de imersão Américas, onde habitam várias espécies
endémicas do continente americano, e às quais se juntaram recentemente novos habitantes: uma preguiça-real, o
Seb, e dois aracaris-limão, o Tutti e a Frutti. Para além de ser uma verdadeira viagem à descoberta da natureza, aqui
os visitantes podem conhecer de perto várias espécies, especialmente com o programa de interação com caturritas,
através do qual os participantes poderão alimentar estas aves naturais da América do Sul.

A juntar à vasta e completa coleção zoológica que conta atualmente com 259 espécies, o Zoomarine oferece
ainda um conjunto de atrações aquáticas e mecânicas que prometem deliciar todos aqueles que procuram
uma verdadeira aventura em família. Com atividades para todos os gostos, destacam-se o lazy river mais longo
da Europa Continental, o relaxante Rio dos Côcos, cujo percurso é feito em boias ao longo de 400 metros de
vegetação e cascatas, transportando-nos para um local verdadeiramente paradisíaco; e a Zoomarine Beach, uma praia de areia branca com 5 tipos de ondas constantes. Para os fãs de adrenalina, o Zoomarine criou o incrível
Jurassic River, um rio rápido no qual é feita uma viagem até à impressionante época jurássica, e onde o percurso
está repleto de dinossauros à escala real, que prometem intimidar até os mais corajosos! Quando estiver no parque,
visite também o Harakiri, um escorrega com quatro pistas, cuja queda de 12 metros só pode ser descrita como
instável e vertiginosa.

O Zoomarine tem ainda várias áreas aquáticas dedicadas aos mais novos, quer sejam jogos de água, piscinas ou playgrounds aquáticos infantis, das quais se destacam a nova Ilha da Fantasia, que conta com um conjunto de mini-escorregas para os mais novos, e a divertida a Ilha do Tesouro, um playground aquático interativo que promete deliciar as crianças. Na componente mecânica, também não faltam opções, desde o Twist Manta, ao Ferry Boat, à montanha-russa Buffalo ou à Torre Farol, entre muitos outros.

Ao visitarem o parque, o bilhete dos visitantes inclui ainda acesso ao cinema 4D, à impressionante apresentação de acrobacias e novo circo Baía dos Piratas, e ao grande aquário Oceanus, onde habitam algumas das espécies mais misteriosas dos nossos oceanos.

Focado em oferecer a melhor experiência possível a todos os seus visitantes, o Zoomarine dispõe de todos os serviços necessários, incluindo vários restaurantes, lojas, balneários e cacifos. Com novidades também no campo da restauração, o Zoomarine criou o novo restaurante Bamboo que funciona em regime de buffet all you can eat. O parque oferece ainda excelentes acessos para viaturas, estacionamento gratuito e é acessível a cadeiras de rodas.

O Zoomarine não é apenas uma referência no universo dos parques temáticos, mas também uma verdadeira referência na conservação da natureza, ciência e educação em Portugal desde a sua fundação há 30 anos, pois tem tido uma participação muito ativa no campo da conservação e proteção da vida nos oceanos e fora deles, das suas espécies e dos seus habitats. A abordagem de conservação do Zoomarine “Together We Protect” é algo que vai muito além daquilo que os visitantes habitualmente conhecem durante as visitas ao parque. Para além da estratégia basal de envolvimento da comunidade (desde os mais jovens aos mais experientes na vida) através dos programas e abordagens de sensibilização ambiental, nos últimos anos o Zoomarine decidiu abraçar dois grandes projetos internacionais – World Parrot Trust (América Central) e Marine Megafauna Foundation (Moçambique), através da angariação de fundos através de donativos e merchandising, com parte das receitas dos programas de sensibilização a reverterem para aquelas instituições. Estes projetos fornecem suporte especializado na proteção de muitas espécies ameaçadas de extinção, as quais não funcionarão sem apoio financeiro exterior. Dois claros exemplos do papel ativo que o Zoomarine tem desempenhado junto da comunidade são a Operação Montanha Verde e a Operação Praia Limpa. A operação Montanha Verde teve o seu inicio em 2016 e, desde então, cresceu de forma muito natural aumentando o número de concelhos envolvidos e árvores plantadas. À data, e em apenas 4 anos, esta iniciativa já plantou mais de 79 mil árvores em oito concelhos algarvios. A Operação Praia Limpa iniciou-se em 2017, e desde então, o Zoomarine envolve um cada vez maior número de voluntários e concelhos, nestas limpezas de praias. Esta iniciativa tem como objetivo fundamental despertar em todos nós a necessidade de proteção do ambiente marinho.

Para todos aqueles que queiram tornar a visita ao Zoomarine ainda mais especial, foi criada a experiência Dolphin Emotions. Este exclusivo programa dá a conhecer os grandes embaixadores dos oceanos: os golfinhos-roaz. Esta experiência inicia-se com uma palestra educativa, seguindo-se de momentos de ternura e muita magia, em que os participantes vão poder conhecer de perto esta espécie e criar memórias verdadeiramente inesquecíveis.

E para encerrar mais uma temporada de momentos únicos, o Zoomarine volta a organizar o seu evento anual de Halloween. De 20 a 31 de outubro, o parque temático vai ser invadido por esqueletos, aranhas gigantes, fantasmas e muitas surpresas assustadoramente divertidas! Para além de todas as atuações de rua, atividades para todas as idades e decoração temática, não poderia faltar a icónica Passagem dos Sustos: um percurso repleto de sustos, misteriosas personagens e ainda várias surpresas… só para os mais corajosos! Mas qual será a melhor forma de nos despedirmos do Zoomarine Algarve: com doçura ou travessura?

Sobre este autor

INcorporate

Adicionar Comentário

Escrever comentário