Blog Lifestyle Media

Podcasts: ouvir quando e onde quiser

Há ainda muita estrada pela frente, conhece de cor os noticiários, e apetece-lhe ouvir algo que não seja música, com um ritmo de narrativa. Neste caso os podcasts podem ser a companhia que faz com que o tempo passe mais depressa.

A grande vantagem destes programas de áudio online é que cobrem praticamente todos os temas, pode ouvi-los a qualquer hora, e na maioria dos casos fazer download gratuitamente ou simplesmente aceder ao formato a partir das plataformas de streaming.

O termo podcast vem da junção de “ipod”, o dispositivo de áudio da apple e “broadcast”, ou seja, “transmissão”, e é um mercado em pleno crescimento. Um estudo da Reuters Digital News Report dá conta que 41,5% dos portugueses que utilizam a Internet ouviram algum podcast no mês anterior, face a uma média global de 31%. Um número que coloca Portugal à frente de países como os Estados Unidos (37%) e sobretudo do Reino Unido (22%), dois países onde o fenómeno ganhou popularidade na primeira década do milénio.

Sendo já ou não utilizador deste formato, deixamos-lhe sugestões de podcasts que pode ouvir em férias (e não só). Mas lembre-se de criar a sua playlist até porque é possível que encontre aqui alguns dos seus programas favoritos. Emissões de culto encontraram neste formato uma nova forma de distribuição e em países como os Estados Unidos há podcasts que se tornaram programas de televisão.

“O amor é”

A versão longa de “O Amor É” acontece ao fim de semana e junta os episódios dos dias úteis emitidos na Antena 1. O psiquiatra Júlio Machado Vaz e Inês Meneses conversam sobre amor e sexualidade a partir, por exemplo, de uma notícia ou de uma música. Mas entram também outros temas neste programa como trabalho, política, cultura. Sente-se a cumplicidade entre os dois comunicadores que faz fluir este formato de forma natural e nos conduz por entre temas tão importantes, muitos dos quais intemporais.

“POD Pensar”

Um dos mais recentes programas do POD Pensar, o podcast da DECO PROTESTE cujo mote é “o podcast de ideias para consumir”, é precisamente sobre férias. Ao moderador do programa, Aurélio Gomes, juntaram-se convidados com o objetivo de conversar sobre como planear as primeiras férias livres de muitas das restrições ao fim de dois anos.

Nesta proposta de “reflexão sobre o que dá norte à missão de defesa do consumidor” não faltam temas de interesse para o consumidor e cidadão que quer estar informado. O primeiro programa foi sobre poupança, o mais recente sobre direitos de animais de companhia, e no alinhamento destes 20 episódios entraram temas como “Burnout, semana de 4 dias e novos modelos de trabalho”, “Ciberataques, os temas que pararam o mundo”, ou “É o fim dos carros de combustão?”.

“Biblioteca Pública”

Os escritores Afonso Reis Cabral, Dulce Maria Cardoso e Richard Zimler conversam sobre os livros que os próprios propõem – é um livro por semana – à volta do qual refletem. A riqueza do programa vem precisamente daí: de gerações com percursos de vida diferentes, o comentário dos autores às obras reflete isso mesmo. É frequente ouvirmos um “nunca tinha visto o livro dessa forma”, e assim se confirma como uma boa conversa nos pode acrescentar novos olhares. Por estes 19 episódios passaram livros como “Se isto é um homem”, de Primo Levi, “Um quarto que seja seu”, de Virginia Wolf, “Memórias do Subterrâneo”, de Fiódor Dostoiévski, sem faltar a literatura portuguesa com “Bichos”, de Miguel Torga, ou “Todas as Palavras”, de Manuel António Pina.

“TED Talks Negócios”

O formato das “TED Talks” é conhecido em todo o mundo pela sua eficácia em termos de comunicação: palestras de curta duração, de oradores com know-how na área. Por isso é bem provável que ao fazer uma busca no YouTube, esta rede social lhe devolva como resultado algumas destas apresentações. As TED Talks Negócios são um podcast com uma coleção de apresentações sobre o mundo empresarial cujos principais conteúdos são debates sobre empreendedorismo, dicas comportamentais e tópicos sobre liderança. E se é daquelas pessoas que mesmo em férias pensa em trabalho, esta é uma forma leve de quebrar o ócio sem prejudicar o descanso.